Governo atende solicitação de Yglésio e vai garantir produtos de higiene menstrual a estudantes da rede estadual.

O governo do Estado, por meio da Secretaria Estadual da Educação, realizará em breve a distribuição de materiais de higiene menstrual nas escolas públicas da rede estadual. O anúncio foi feito na tarde do último sábado (22), pelo deputado estadual Yglésio Moyses (PROS), por meio de suas redes sociais. A SEDUC deve apresentar mais informações nos próximos dias.

O parlamentar é o autor da indicação, feita no início do mês de abril, que solicitava a adoção e inclusão da Política de Saúde da Mulher nas escolas públicas estaduais, com o objetivo de reduzir a pobreza menstrual nas camadas mais carentes. Consiste na distribuição de absorventes íntimos às estudantes, como forma de garantir que não deixem de frequentar a escola no período menstrual.

A pobreza menstrual é uma série de fatores socioeconômicos que não permitem os devidos cuidados das mulheres neste período do mês. A falta de banheiros com boa estrutura, higienizados nas escolas é um dos problemas enfrentados por elas, mas o principal é a falta de dinheiro. Só em 2019, cerca de 25,94% das mulheres viviam abaixo da linha da pobreza e, consequentemente, não podem pagar por materiais básicos de higiene menstrual.

Com a pandemia, infelizmente, esse cenário piorou. Segundo dados do Ministério da Economia, com a redução do Auxílio Emergencial, por exemplo, cerca de 60 milhões de pessoas entrariam na pobreza e extrema pobreza. Isso, atualmente, representa cerca de 28,4% da população brasileira, o que acentua o problema em questão.

Em meio a esse cenário de extrema vulnerabilidade econômica, se faz necessária a aplicação de políticas públicas capazes de garantir a manutenção da saúde dessas mulheres, pois “pobreza menstrual é uma questão de saúde pública e não podemos fechar os olhos para este problema”, afirmou o parlamentar e médico Yglésio Moyses.

Ainda não há previsão para quando a distribuição dos kits deverá ocorrer, pois depende de trâmites administrativos para permitir a execução e aplicação da política pública em questão, a qual foi indicada pelo parlamentar.

Acesse nosso instagram clicando aqui.