A preocupação com a voz dos professores foi levada, pelo deputado estadual Dr. Yglésio (PROS), até o secretário estadual de educação, Felipe Camarão. O deputado Dr. Yglésio, que além de médico, também é professor universitário, destacou a importância do cuidado da saúde vocal dos profissionais da educação.

“Também sou professor e sei o quanto a voz sofre desgaste no decorrer do tempo por conta da profissão e que muitas vezes acaba tirando o professor de sala de aula.”, disse o parlamentar ao anunciar a proposta de criação de um Centro de Cuidados da Voz.

“Mais uma das propostas brilhantes do deputado Yglésio, nós que somos professores, assim como o governador Flávio Dino, sabemos que é o nosso instrumento de trabalho. Falei pra ele [Yglésio] que tem dia que dou tanta aula que sinto o meu diafragma, porque não sei trabalhar direito a respiração. Então, só um profissional capacitado para ajudar, que é o caso dos fonoaudiólogos, que podem ajudar os professores em relação a isso”, comentou o secretário Felipe Camarão.

O secretário também informou que a proposta pode ser anexada ao Centro de Formação dos Professores. O lugar de formação, pode passar a ser, também, um espaço de cuidado com o professor, como mais uma maneira de valorização profissional.

O deputado Dr. Yglésio informou que a ideia é que o Centro possa contar “Com fonoaudiólogos para realizar consultas preventivas, cuidados e treinamentos para uso adequado da voz nas atividades.”