Na tribuna da Assembleia Legislativa, durante sessão remota nesta quarta-feira (30), o deputado estadual Yglésio Moyses (PROS) destacou a necessidade de uma pesquisa de campo para saber o verdadeiro percentual de vacinação na capital São Luís.

pesquisa

“Eu sugiro tanto ao governo do Estado quando à Prefeitura de São Luís que se conduza uma grande pesquisa de opinião, uma pesquisa de campo, pra saber, de fato, quantos por cento da população se vacinou e quem não se vacinou, quais foram os motivos. Nós precisamos ter um diagnóstico disso!”, afirmou o parlamentar.

Leia mais:

Yglésio destacou que tem sido vendida a ideia de que grande parte da população ludovicense está vacinada. No entanto, segundo ele, muitas pessoas do interior e até de outros estados podem ter sido vacinadas no Maranhão, especialmente em São Luís, e acabam entrando na estatística local.

“Nós tivemos a notícia, na sexta-feira, que mostra que só de Teresina, 10 mil pessoas se vacinaram aqui no Maranhão. quando a gente pega 700 mil pessoas vacinadas com a primeira dose aqui em São Luís, eu tenho certeza absoluta (de) que mais de 10% dessas doses foram pessoas do interior que vieram pra cá”, destacou.

O parlamentar teme que, com essa informação sendo veiculada nos meios de comunicação, a população poderá deixar de tomar os cuidados contra a covid-19, ficando ainda mais exposta.

“A gente não pode passar a falsa impressão de que a nossa população, 80% adulta, está vacinada. Se a gente começar a vender isso como verdade, estaremos incorrendo a uma falsa verdade que vai nos fazer baixar a guarda para a doença. Nós temos que ter um dado objetivo e dado objetivo só se com segue com pesquisa”, afirmou.