O deputado estadual Dr. Yglésio confirmou a sua ida ao Partido Republicano da Ordem Social (PROS) após uma entrevista na sexta-feira (14) na Rádio Nova FM.

Segundo Yglésio, o primeiro passo na construção de uma pré-candidatura é demonstrar a viabilidade. “A viabilidade vem do trabalho legislativo, do trabalho prestado a sociedade maranhense e ludovicense. Trabalho médico que a gente faz desde janeiro de 2004. Portanto, são 16 anos trabalhando como profissional”, explicou o deputado.

Durante a entrevista, Yglésio ressaltou o pouco tempo de vida pública e garantiu que a possibilidade de concorrer contra candidatos com mais tempo motivo de orgulho. “De construção de carreira política a frente de um mandato nós temos um ano. Nós conseguimos pular várias etapas e momentos em um ano para discutir essa pré-candidatura em diversas fases, se reunir com a população”, afirmou.

Para o Yglésio, a saída do PDT e a ida para o PROS com o apoio do deputado federal Gastão Vieira é uma possibilidade de construir um bom projeto de candidatura.

“Acho que o grande entrave dentro de São Luís é a forma como as coisas são construídas no ponto de vista de políticas públicas. Não há uma continuidade, por exemplo, quando eu coloco meu projeto de ser pré-candidato de São Luís, eu tenho a visão clara de que eu passarei apenas quatro anos no primeiro momento, e, talvez se eles não derrubarem a reeleição, tenho a oportunidade de concorrer mais quatro anos”, finalizou.